terça-feira, 9 de outubro de 2012

Ministro da Educação recua


Segundo notícia do Público, Ministério da Educação recua na questão dos exames do 12.º ano, o que não melhora a imagem do Governo, num momento de crise nacional em que a confiança nos governantes está muito em baixo. Mas, já que errou, é louvável que corrija o rumo.

Porém evitaria ter de recuar se tivesse preparado bem a decisão, dialogando com quem estaria interessado no assunto e que depois o fez recuar. Devia ter utilizado um método de preparação da decisão do género do preconizado em Pensar antes de decidir.

E a precipitação de decidir sem a devida ponderação conduz à interrogação para que lhe servem todos os seus assessores e especialistas, que tão caros ficam aos contribuintes e que não evitam ter de fazer recuos???


Imagem de arquivo

Sem comentários:

Enviar um comentário