sábado, 24 de dezembro de 2011

Natal

Natal
Em tempos remotos e no solstício de inverno, eram as festividades NATURAIS ao nascimento do Deus Sol ou seja o início do crescimento do tempo com SOL e diminuição do tempo com NOITE feitas pelos Homens, Mulheres e Crianças que habitavam o Planeta.
Posteriormente, cerca do século três D. CRISTO, foi “agarrado” pela Igreja Católica, para tentar a conversão dos povos pagãos sob o domínio do Império Romano, passando então, a comemorar o nascimento de Jesus de Nazaré, que se supõe ter nascido no ano 05…

NATAL É NASCIMENTO
Assim digo-vos:
     Tu és o Universo assim como uma parte do Universo.
 
          Tu és o Oceano e ao mesmo tempo uma gota no Oceano. 
 
          Larga o controle.
 
          O Oceano sabe onde te levar! 


        
NAMASTÉ




 
Simplesmente

E... VOEMOS LEVES COMO CRIANÇAS !!!


1 comentário:

  1. Caro Amigo José,

    Concordo com estas sábias palavras. Apesar das circunstâncias actuais, não devemos sentir-nos derrotados e desanimados pela crise, pois ela deve ser aproveitada para fazer uma revisão de comportamentos e criar novos hábitos de melhor gestão pessoal, privada e pública. Será benéfico aproveitar este período de provação para rever a escala de valores éticos, desenvolver atitudes construtivas para recuperar a paz e a harmonia, entre o que é material e aparente e aquilo que é essencial e humano que é fonte da verdadeira felicidade, da esperança no amanhã.

    Temos que continuar a difundir as boas ideias para um futuro melhor. Com esse esforço para bem da humanidade, seremos mais felizes e esperançosos em dias melhores.

    Beijos
    João

    ResponderEliminar